Agentes de trânsito do Detran-DF aprovam criação de Sindicato para categoria

Agentes de trânsito do Detran-DF aprovam criação de Sindicato para categoria
Adjayme Melo (foto) comandará o SINATRAN-DF que busca mais representatividade aos agentes de trânsito. Foto: Divulgação
Os agentes de trânsito do DETRAN-DF aprovaram em assembleia, na última quinta-feira (12), a criação do sindicato e do estatuto para a categoria. O resultado do encontro é um marco histórico para os integrantes da função que buscam uma entidade que os representem.

Para comandar o sindicato, os agentes escolheram Adjayme Melo. O novo presidente celebrou o resultado da assembleia e destacou a importância da união entre os associados para atingir êxito nos pleitos. “Teremos uma representatividade independente, livre de amarras e com o objetivo de atender melhor a população do DF com reconhecimento e valorização aos agentes de trânsito da nossa capital. Nossa intenção é ter um sindicato fortalecido para que possamos melhorar ainda mais os serviços em prol da comunidade”, destaca Melo. A assembleia contou com a presença de mais de 200 agentes de trânsito do Detran-DF, o que reforça a coesão e seriedade dos envolvidos na construção do novo sindicato.

De acordo com a assessoria jurídica, após a aprovação da criação do SINATRAN-DF pela categoria, o próximo passo é reunir toda documentação de constituição do Sindicato para registro junto ao cartório e, em seguida, emissão do CNPJ junto à Receita Federal. De posse desta documentação, a assessoria jurídica apresentará requerimento junto ao Ministério do Trabalho para emissão do registro sindical. Este documento é fundamental para que o SINATRAN-DF possa representar de modo exclusivo a categoria dos Agentes de Trânsito do DETRAN-DF, exercendo legitimamente todos os seus deveres estatutários para defesa dos direitos e interesses da categoria. A expectativa é que o SINATRAN-DF tenha o seu registro sindical até o final do ano de 2022.

No ato, a Associação dos agentes de trânsito do DETRAN-DF, em apoio à democracia, também fez questão de lançar nota oficial em que “repudia veementemente a conduta de qualquer entidade de classe que use de artifícios para dificultar, embaraçar e não respeitar o direito de manifestação da vontade de uma categoria (Agentes de Trânsito do DETRAN-DF)”
Mais de 200 agentes de trânsito participaram do ato que aprovou a criação do SINATRAN para representar a categoria. Fotos: Divulgação
Da Redacao

Da Redacao