Policiais da 38ª DP deflagraram, nessa terça-feira (14), nova fase da Operação *Skadi
para cumprir mandado de busca e apreensão de armas de fogo expedido pelo Juizado de Violência
Doméstica e Familiar, em desfavor de um homem, de 40 anos, acusado de injuriar a companheira, 47.


Em razão da violência moral e psicológica praticada pelo ofensor, além de ter sido
determinada a busca e apreensão das armas de fogo de sua propriedade— tratando-se uma pistola
.380 e um rifle de calibre .22 — o envolvido, que é agente penitenciário de outro estado da
federação, foi judicialmente afastado do lar conjugal, tendo sido ainda proibido de manter contato,
por qualquer meio de comunicação, com a vítima, familiares e testemunha e, ainda, de se aproximar
de qualquer um deles.

*Skadi é a deusa da mitologia nórdica que personifica a força, a coragem e a resistência.
“A vítima registrou ocorrência e requereu as medidas protetivas, de forma on-line, por
meio da delegacia eletrônica. As protetivas foram deferidas pelo juizado no mesmo dia”, destacou
o delegado-chefe da 38ª DP, João Ataliba Neto.