POR: GUILHERME AMADO – Epoca

Randolfe Rodrigues está recolhendo assinaturas para entrar com requerimento nesta segunda-feira

Alessandro Vieira e Randolfe Rodrigues apresentam nesta segunda-feira ao Supremo Tribunal Federal um pedido de impeachment contra Ernesto Araújo por cometimento de crimes de responsabilidade.

Os dois começaram a coletar neste domingo assinatura de senadores para subscreverem o pedido com ele.

A Constituição estabelece que cabe ao STF processar por crime de responsabilidade os ministros de Estado.

“Está no artigo 102, inciso 1, alínea C da Constituição que cabe ao STF. Já estou procurando senadores para subscreverem comigo o pedido de impeachment de Ernesto Araújo”, afirmou Rodrigues à coluna.

O documento, elaborado por Vieira, afirma que Ernesto Araújo “vem conduzindo de maneira desastrosa” o Itamaraty, “causando enorme prejuízo para a população brasileira e afetando gravemente a imagem do Brasil no cenário internacional”.

Entre os crimes de responsabilidade de que Araújo é acusado, estão:

– ato de hostilidade contra a China, ao tratar a Covid-19 como “vírus chinês e “comunavírus”, bem como sair em defesa institucional do deputado Eduardo Bolsonaro, imputando ao governo chinês os rótulos de ofensivo e desrespeitoso;
– agir de maneira indecorosa, indigna e incompatível com a honra do cargo, especialmente a partir de março de 2020, período inicial da pandemia;
– deixar de empreender os esforços necessários no plano internacional para conseguir as vacinas e os respectivos insumos em quantidade suficiente e em tempo hábil.