Um dia após o discurso do ex-presidente Lula, o vice-presidente Hamilton Mourão afirmou que se o povo quiser a volta do petista, paciência.

No entanto, em entrevista à Folha de S.Paulo, Mourão disse que acha difícil que Lula volte a ser presidente.

“É aquela história: o povo é soberano. Se o povo quiser a volta do Lula, paciência. Acho difícil, viu, acho difícil”, declarou na quarta-feira 10.

Lula recuperou os direitos políticos após decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, que anulou as condenações sofridas pelo petista na Lava Jato em Curitiba.

Mourão evita fazer críticas diretas ao presidente Jair Bolsonaro, mas mostra que a relação entre os dois não é muito boa. Quando questionando sobre a condução do governo na pandemia da Covid-19, o general afirmou que faltou uma boa condução.

“Faltou realmente uma campanha intensiva por parte não só do governo federal, mas também pelos demais entes federativos, de conscientização da população. A população tinha de se conscientizar das limitações que essa doença provoca.”

O vice-presidente também enxergou uma campanha política em cima da pandemia tanto pelo presidente, quanto pelos governadores.

“A pandemia foi usada politicamente tanto pelo nosso lado quanto pelas oposições. Isso foi até ruim. Esse uso político da pandemia é péssimo”, ressaltou.