https://picasion.com/

A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), por meio da 9ª DP, solicita a todos os meios de comunicação a divulgação das fotografias de Eliane Francisca de França, 47 anos, e Emanuel dos Santos, 49. Os dois foram indiciados por furto de joias.


A unidade policial deflagrou, nesta sexta-feira (5), a Operação Joia Rara. A ação resultou na apreensão de 26 alianças, oito relógios, 20 pares de brincos, quatro pulseiras, dois colares, cinco pingentes e três óculos de sol de grifes famosas.


O mandado de busca e apreensão foi cumprido na residência da mulher, que se passava por doméstica, suspeita de ter furtado joias em bairros nobres do Distrito Federal, como Lago Sul, Lago Norte e Taquari. A envolvida atua com o companheiro desde 2015. A dupla, para viabilizar o acesso às residências, inseria perfis falsos em grupos de contratação de empregadas domésticas, babás e em sites de relacionamento e venda.

Os falsos perfis indicavam os serviços da envolvida e davam boas referências. Ludibriadas, as vítimas contratavam a mulher para um período de experiência. A falsa doméstica, já com amplo acesso às residências, subtraía joias e valores em espécie. Os indiciados, que vão responder por furto mediante fraude, podem pegar até oito anos de prisão. Até o momento foram identificadas seis vítimas do casal. Em uma residência no Taquari/DF foram subtraídas joias avaliadas em cerca de R$ 20 mil.