As eleições que ocorreram em outubro de 2020, parece que ainda não acabou no município goiano de Luziânia, após o descalabro ocorrido na noite de ontem em frente a prefeitura, onde o ex prefeito Cristovão Tormim (PP), foi impedido de fazer a transmissão do cargo para o atual prefeito Diego Sorgatto (DEM).

Hoje a cidade amanheceu com uma listinha com nomes de servidores e valor que receberam como diferença de pagamentos feitos a menor em seus contra cheques, conforme video vinculado nas redes sociais por Perla Roriz. O clima na cidade promete esquentar nos próximos dias pois de Democrata somente o nome do partido de Diego.

O ato antidemocrático do novo prefeito gerou um apelido nas redes sociais “coronelzinho Sorgatto, alguns populares após publicação de nossa noticia hoje pela manhã nos informaram que temem não ter suas reivindicações atendias pela nova gestão pois acreditam que o “coronelzinho prefeito” deve fazer sua administração voltada aos que o apoiaram nas urnas. Mas como saber quem realmente votou nele ou não ?

O clima na cidade esta bastante tenso repercutiu no discurso do vereador Waltinho que pediu a união de todos para que a cidade continue a crescer e destacou que ao invés da nova gestão fazer discurso conciliador, tem tentado denegrir seus antecessores.

Vamos aguardar os próximos capítulos, desta novela que promete ter vários desdobramentos nos próximos dias não só em Luziânia mas talvez no Palácio das Esmeraldas, pois o nome do Governador Ronaldo Caiado esta na boca do povo.

Ao novo prefeito desejamos boa sorte em sua gestão e que cumpra todas as promessas feitas em campanha, porque o progresso de uma cidade não se faz a uma só mão, mas por varias e com os anos cada um dos que passaram pela administração daquela cidade deixaram seu legado.