No ano atípico que se finda, precisamos colocar na balança os fatos que marcaram nossas vidas, com a difícil tarefa de equilibrar perdas e ganhos, alegrias e tristezas, mas sempre com a consciência de que estamos vivos e enquanto há vida, há esperança. Mesmo com todas as dificuldades, aprendemos a cuidar uns dos outros e a acreditar que dias melhores nos aguardam. Aprendemos a importância e a força de perseverar. Desejo que o Natal seja um momento de relfexão, de carinho, de fratenidade e que 2021 venha com energia e as boas vibrações que enchem os nossos corações no Natal.