Está em trâmite na Câmara Federal o Projeto de Lei 4613/2020, que estabelece que os pacientes transplantados terão os mesmos direitos das pessoas com deficiência se o laudo médico elaborado pelo médico assistente, responsável pelo tratamento e acompanhamento concluir que existam impedimentos para obstruir sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com as demais pessoas.

Luiz Matias, locutor da Rádio JITIRANA BDC, sente-se renascido após ter recebido transplante de fígado de uma pessoa que faleceu, relatou a este blog o sofrimento que passou antes de ser transplantado e as dificuldades que passou após os transplantes.

Relatou a este blogueiro que, toma medicamentos todos os dias, mesmo após o transplante de fígado precisa de diversos medicamentos os quais atualmente toma quatro vezes ao dia em torno de 20 comprimidos ao dia, revelou também que já tomara quantidade maiores de medicamentos.

Após passar por enormes dificuldades Luiz Matias, vem fazendo campanha para que as pessoas sejam futuras doadoras de órgãos e dessa forma ajudar ao próximo, e luta para que a Projeto de Lei L 4613/2020 do deputado Fábio Trad do PSD de Mato Grosso se torne uma realidade para que possa ajudar as pessoas que sofrem restrições em sua participação plena na sociedade.

Veja a seguir vídeo: