A população do Distrito Federal que sofre a anos com o péssimo serviço de transporte público com ônibus velhos e manutenção deixando a deseja hoje pela manhã foram surpreendidos com a queda do eixo traseiro de um dos veículos a Urbi.

Nossa cidade que tem um transporte público precário, e com uma das passagens mais caras do Brasil, esta semana teve um novo golpe com a alegação das empresas que algumas linhas não tinha viabilidade de funcionar devido a pouca quantidade de passageiros.

A verdade é que falta dimensionamento de algumas linhas que as empresas julgam com pouca lucratividade em detrimento de outras com alta rentabilidade mas que possuem veículos insuficiente para a demanda.

Ressaltamos ainda que os valores médio das passagens é de R$ 4,20 alem deste valor ainda o Governo do Distrito Federal paga mais de R$ 5,00 como forma de subsidio “Tarifa Técnica”, isso mesmo que estamos lendo, as empresas recebem um subsidio maior que o pago pela população subsidio este que somente em 2020 chegou ao montante de mais de R$ 300 milhões de reais.

Confira as imagens e deixe seu comentário: