O bolsonarista Oswaldo Eustáquio foi alvo de cumprimento de mandado pela Polícia Federal nesta terça (17).

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes determinou sua prisão domiciliar e mandou colocar-lhe uma tornozeleira eletrônica.

Eustaquio anunciou no Twitter:“PF na casa de Oswaldo Eustáquio”.

A Folha de S. Paulo informou que o blogueiro não poderia sair de Brasília sem autorização prévia.

Contudo, recentemente foi a São Paulo, onde fez uma suposta matéria jornalística contra Guilherme Boulos. Ele também vinha usando suas redes sociais, o que Moraes tinha proibido, segundo o jornal.