Por Maurício Nogueira

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, consolidou a sua vitória nas eleições presidenciais de 2020 com a conquista do estado da Geórgia, que havia sido vencido pelos republicanos em 2016, segundo projeção da CNN.

O atual presidente, o republicano Donald Trump, venceu no estado da Carolina do Norte. Com isso, todos os 50 estados tiveram resultados projetados.

Biden acumula 306 delegados, 36 a mais do que precisava para ser eleito, enquanto Trump tem 232 votos no Colégio Eleitoral.

Biden é o primeiro democrata em 28 anos a vencer no estado da Geórgia, que representa 16 delegados na votação final.

Com 99% das urnas apuradas lá, ele garantiu a vitória com 2.472.154 votos, o equivalente a 49,5%, 2.458.002 de Donald Trump, que equivalem a 49,2%.

Por sua vez, Trump venceu na Carolina do Norte com 50,0% dos votos, o equivalente a 2.754.103 votos, enquanto Biden ficou com 2.680.501, que equivalem a 48,6% do total.

A Carolina do Norte equivale a 15 votos no Colégio Eleitoral e também tem 99% das urnas apuradas.

A Geórgia é o quinto estado a virar para os democratas nesta eleição. Os outros quatro que mudaram de partido vitorioso neste ano são Michigan, Wisconsin, Pensilvânia e o também tradicionalmente republicano Arizona.