Três emendas do deputado Iolando (PSC), foram aprovadas e receberão recursos na Lei Orçamentária do próximo exercício para sua execução.

A Lei 6664/2020, publicada no dia 4 deste mês, estabelece as diretrizes orçamentárias para o exercício de 2021, contendo a estrutura e a organização do orçamento, metas, prioridades e as metas fiscais para o exercício do ano que vem.

As emendas serão destinadas para a realização de Censo Demográfico– População Pessoa com Deficiência; construção de Escola Técnica Especializada em Pessoa com Deficiência e também, para a construção de uma Unidade de Atenção Especializada em Saúde à Pessoa com Deficiência.

A realização das três demandas terá grande relevância para a população do Distrito Federal. O Censo Demográfico é uma antiga reivindicação dos que almejam politicas públicas eficientes voltadas às pessoas com deficiência. Até o momento não se sabe ao certo a quantidade e o tipo de PCD em cada Região Administrativa do DF. Com as informações do Censo será possível, por exemplo, dimensionar a infraestrutura de acessibilidade em cada localidade do Distrito Federal.

A Escola Técnica e a unidade de Saúde Especializada em Pessoa com Deficiência, também não estava previstas na LDO, mas o deputado Iolando colocou emenda, para que fosse possível realizar as demandas que eram bastante aguardadas pela comunidade.