A Secretaria de Educação divulgou, na segunda-feira (13), a retomada das atividades presenciais na rede pública de ensino do DF para o fim do mês de agosto. Devido a incerteza do momento e um possível aumento de casos de morte de crianças com COVID-19, o deputado distrital Robério Negreiros (PSD) encaminhou nesta quinta-feira (16), um pedido para que o governador Ibaneis Rocha reavalie a decisão.
A previsão é que o retorno das aulas seja gradual e para manter o distanciamento social, a Secretaria de Educação optou por um modelo híbrido. Metade dos estudantes de cada turma irá à escola presencialmente em uma semana, enquanto os demais farão atividades virtuais ou impressas. Na semana seguinte, o sistema será invertido. Os alunos e profissionais da Educação que integrarem o grupo de risco para a Covid-19 serão mantidos em atividades remotas.
De acordo com o deputado, é importante ter cuidado ao flexibilizar qualquer medida que coloque em risco vidas. “Solicitei ao governador que reavalie a decisão sobre esse risco para as crianças e adolescentes do Distrito Federal”, declarou Robério Negreiros.
Na semana passada, ao atender os pedidos de pais e responsáveis preocupados com o retorno iminente de seus filhos às salas de aula, o deputado Robério sugeriu ao governo que antes de os alunos retornarem às escolas, fosse ampliada a testagem para o Covid-19, estendendo aos estudantes das redes pública e particular de ensino.
O parlamentar ressaltou que o aumento da testagem permitirá mapear a situação real e, assim, possibilitar a tomada da decisão mais acertada quanto ao retorno desses jovens e crianças às salas de aula.

Ascom do deputado distrital
Robério Negreiros (PSD)

Compartilhar: