Por: Claudio Oliveira

Um novo ano que começa, e com ele, milhares de novas oportunidades,
Da janela que se fecha, para a porta que se abre,
Novos sonhos, velhas saudades,
Esperança que invade,
Você pode dar às costas ou encarar a realidade,
Velho amor ou uma nova cara metade?
Cara e coragem!!!
Aprisionado grito de liberdade,
Vai ser arrogância ou humildade?
Vaidade ou simplicidade?
Para que viver na embriaguez, se você tem a sobriedade?
Página em branco a ser rabiscada,
365 dias de uma nova jornada,
Novas histórias a serem contadas,
Comédia, drama, aventura, suspense e contos de fadas,
Qual será seu repertório, choro, tristeza, alegria ou gargalhada???
Partidas, nascimentos, despedidas e chegadas,
Breves ou longas caminhadas???
A escolha é toda sua…
Você quer ser alguém de verdade, ou um morador de rua?
Se contenta com mentiras, meias verdades ou é adepto da verdade nua e crua?
Macho, enrustido, dentro, fora do armário ou se declara uma perua?
2020 está aí, e TUDO depende de você,
Um vasto cardápio, o que vai querer?
Pode meter a cara, ficar em cima do muro ou simplesmente, sofrer,
Perdoar, magoar, alegrar ou se arrepender,
Matar ou morrer,
Pagar para ver,
Ser ou não ser???
Eis a eterna questão,
Mocinho ou vilão,
Razão em constante conflito com o coração,
O sim e o não,
Companhia e solidão,
Ápice, auge, fundo do poço ou depressão,
Tsunami e furacão;
Então, SIMBORA???
É nunca ou agora,
Essa é a hora!!!
Pode ser diferente ou da moda,
Bote a boca no mundo, revele o que te incomoda;
É o momento certo de enfrentar a vida,
Não diga que a vitória está perdida,
Afinal, para tudo existe uma saída!!!
2020 está aí, vai ser ausência ou presença?
Saúde ou doença?
Pecado ou penitência?
Zé ninguém ou referência?
Vai se anular ou agir de maneira intensa?
Vai viver de velhas promessas ou vai fazer a DIFERENÇA??? Com amor,

Compartilhar: