A Rede Globo publicou, nesta terça-feira (26/5), uma nota de repúdio a uma campanha que visa intimidar o jornalista William Bonner. Em nota, a Globo declara apoio a Bonner e a família dele, que receberam mensagens de WhatsApp, derivadas de número telefônico com o prefixo de Brasília (61). O conteúdo conta com dados fiscais sigilosos deles. O comunicado também cita o uso indevido do CPF do filho do apresentador para integrar o programa de auxílio emergencial do governo. 

Compartilhar: